quarta-feira, 8 de agosto de 2007

Palavras Infelizes


Há dias na vida em que a vontade de ir fala mais alto, revemos tudo o que somos e o que fomos com o desejo de não mais voltarmos a ser, caminhos com os passos acelerados rumo ao não sei onde que nos castiga e nos maltrata... mas que tanto gostamos de visitar. Às vezes é por lá que encontramos a nossa vida na brincadeira com o tempo que não temos ou simplesmente sorrindo por tudo o que deixou de fazer sentido dentro do nosso coração, às vezes encontramo-nos a nós próprios, filhos dos sonhos que sempre abraçamos e embalamos nessas noites de agonia que fazem o coração explodir de dor.
Simplesmente porque hoje é um desses dias, talvez me não encontre ou talvez me encontre e seja capaz de escrever palavras mais felizes, por agora fico-me por estas...

Chegam?


Bastam?


O coração esvaziado quer encher-se de alegria mas as páginas em branco do caderno da solidão assim continuarão, at é ver...

3 comentários:

Felipe Nunes disse...

Onde anda a alegria que nos devia encher o coração? Onde andam aqueles cujas belas palavras nos deviam iluminar o dia? Onde...? Onde...? ...e onde?


Só o Amor basta!


(podes adicionar-me ao msn? lol)
Beijo

belakbrilha disse...

....e existem tantos dias desses!
espero que o sol tenha chegado, e que iluminasse o teu dia

gostei de estar aqui

até breve

Arcanjo disse...

Nunca chegam, nunca bastam e nunca serão demais...
Que o sol te ilumine e que um sorriso se ilumina na tua doce face.

Brindo a muitos e muitos dias assim minha linda. ;-)

Beijinhos :-)***